sábado, 28 de janeiro de 2012

Quando orares


Por – Joilson José Gonçalves Mendes
“Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará”. Jesus – Mateus 6:6
O ensinamento do Mestre sobre a oração poderá fazer com que o leigo perceba certa contradição, quando de outra passagem, em que Jesus ensina que devemos nos manter constantemente em oração e vigilância. Mas para aquele que mergulha nos ensinamentos da Boa Nova não há contradição alguma.
Para orarmos não necessitamos de um local fechado, um ambiente físico, o quarto de que fala o Mestre é o nosso coração. Jesus ensina que devemos voltar para dentro de nós mesmos, em nosso templo interior e nos elevarmos a um nível mais alto de consciência.
Quando mergulhamos em nosso íntimo, controlando a nossa respiração de maneira lenta e profunda, tendemos a acalmar a mente, como dizia um mestre indiano: “O corpo segue a mente, a mente segue a respiração”. Yogi Bhajan
Agindo desta forma manteremos um contato mais aproximado com o nosso íntimo, percebendo melhor nossos pensamentos e sentimentos, com maior oportunidade de realizar o trabalho interior de autoconhecimento.
Em tempos em que “Time is Money” as pessoas vivem condicionadas como máquinas a cumprir tarefas de maneira sistemática e ininterrupta. Este comportamento é o causador de várias enfermidades e a cada dia que passa surgem novas doenças, sem que a medicina consiga acompanhar.
Ao entrares em teu templo interior e orares silenciosamente, no ritmo calmo e profundo da tua respiração, terás a oportunidade de se deparar com quem realmente és, com a essência do teu íntimo. Estás preparado?
Os pensamentos se acalmarão, a ansiedade, a melancolia, medos, frustrações e decepções da vida deixarão de ter importância. Velhos condicionamentos serão quebrados, uma percepção nova e diferenciada da vida surgirá.
É o novo ser nascendo de dentro para fora. Medos e conflitos não mais existirão é a recompensa do Pai que vê em secreto, como ensina Jesus. Conhecerás, então, a verdade que liberta e começará a perceber o próximo, suas necessidades, suas dores e dramas. Neste estágio perceberá o despertar do sentimento que é o antecessor do amor, a compaixão.
Tendo abandonado o “homem velho” suas ações estarão voltadas em benefício do próximo, muitas vezes, não mais se preocupará consigo a prioridade será o outro. Digo muitas vezes porque ainda terá muito a melhorar, a transformação é constante, ininterrupta e sem fim, contudo, será mais rápida do que antes.
Com o passar do tempo, passaras a vibrar em um nível de consciência mais elevado em que, o contato com seres mais adiantados será de fácil acesso. Novas transformações ocorrerão, outros véus cairão e aspectos da verdade até então desconhecidos serão revelados. É o Pai novamente a te recompensar.
Jesus, médico das almas continua a curar-te. Onde quer que estejas lembre-se de entrar em teu quarto e, quem sabe, um dia, encontrarás Jesus em ti.

Um comentário:

  1. Belíssima mensagem.
    Lida e devidamente compartilhada!
    Um abraço.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário